Os primeiros KMs de jornada

Amanda Bezerra e Rodrigo Guimarães

Planejar é fundamental, mas sair do planejamento faz parte e pode trazer surpresas incríveis! Nosso roteiro estava traçado com as oportunidades de voluntariado em cada cidade por onde passaríamos e cada pitstop para abastecer e descansar. Mas nós, o casal Journey2World não contávamos logo no início com a falta de resposta de alguns anfitriões destes voluntariados, e também com o fato de alguns não aceitarem casais para as vagas. Isto provocou uma mudança de planos na partida!

014-namo-foto-1-bike-mar-paisagem

 

As conquistas

Queríamos que nossa primeira experiência como voluntários Worldpackers fosse ainda no Brasil, e a primeira fronteira a ser cruzada seria pelo Paraguai, passando pelas incríveis Cataratas do Iguaçu. Porém, o fato é que há 15 dias de iniciar a viagem, nós não tínhamos sido aceitos em nenhuma vaga e estávamos bem apreensivos. Eis que decidimos ampliar as buscas, abrangendo mais ao sul do Brasil e assim abrir os horizontes. Ali entendemos que não poderíamos controlar todos os passos dados nesta jornada.

014-namo-foto-2-moto-estrada-horizonte

Feito! O primeiro anúncio que eu, Amanda, abri foi uma sensação muito boa. Acredito muito em energias e que o universo gira por isso, pela atração, então nos aplicamos. No mesmo dia recebemos a confirmação! Fomos parar em Passo de Torres, divisa de Santa Catarina com Rio Grande do Sul.

 

Journey2World com o pé direito

Melhor primeira vez impossível! Foram duas semanas na Pousada Aventura (https://instagram.com/pousadaaventura), um negócio familiar gerenciado por pessoas incríveis. As tarefas eram simples e diversificadas, de cortar grama, pintar muro até decoração de Natal já que estávamos ao final de Novembro. Os horários eram muito bem distribuídos, o que foi excelente para explorarmos a região.

 

014-namo-foto-3-paisagem

E falando em passeios, que lugar lindo é Santa Catarina! E não estamos falando de Floripa, que apesar de linda não é a única atração do Estado. Pudemos descobrir os encantos da natureza do Sul Catarinense, como o Parque Nacional de Aparados da Serra, que possui cerca de 13 mil hectares. Ali você pode observar o cânion Itaimbezinho, fazer diversas trilhas com ou sem guia, e também praticar esportes de aventura. (Segue o link para maiores informações: http://www.icmbio.gov.br/parnaaparadosdaserra)

 

Natureza pertinho

Além disso, bastava atravessar uma ponte para estar na cidade de Torres, no Rio Grande do Sul. Para nós que adoramos estar em contato com a natureza, este foi um prato cheio. Passeio de bike, caminhada pela praia e pelo Parque da Guarita, que nos dava visão completa das cidades e uma vista linda do mar.

014-namo-foto-4-praia-vista-panoramica-juntos 

O fato é que com esta mudança no roteiro, as Cataratas do Iguaçu ficaram longe demais. E de repente, o sul do Brasil se tornou a surpresa para os primeiros KMs da nossa jornada. Mas tem mais história antes de sair do Brasil, na próxima matéria nós contamos... Até mais!!

 

MAIS SOBRE ESSE AMOR EM DUAS RODAS:

Um casal, uma moto, a paixão por viajar e o Canadá no destino

Amanda Bezerra e Rodrigo Guimarães

Colunistas

5 posts